Desemprego é destaque negativo no Dia Internacional da Juventude

Celebrado anualmente em 12 de agosto, o Dia Internacional da Juventude é anualmente, o número de jovens desempregados no mundo é fator de preocupação no planeta. Previsões da Organização Internacional do Trabalho (OIT) apontam que quantidade deve aumentar e chegar a 71 milhões, em 2017.

A OIT estima que o índice mundial de desemprego dos jovens com idades entre 15 e 24 anos deve atingir 13,1%, em 2016, contra 12,9%, em 2015, em um crescimento de meio milhão de pessoas.

A maioria dos indicadores de mercado de trabalho observa que também é grande a disparidade entre mulheres e homens jovens, com diferenças que progridem durante a transição para a vida adulta. Em 2016, por exemplo, a taxa de participação na força de trabalho para jovens homens foi de 53,9%, em comparação com 37,3% para jovens mulheres, o que representa uma diferença de 16,6 pontos percentuais.

NO BRASIL, DESEMPREGO CASTIGA OS JOVENS

São os jovens os que mais sofrem com o desemprego que alcançou cerca de 12 milhões de trabalhadores na virada de 2016 para 2017, conforme apurou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Entre trabalhadores na faixa de 14 a 17 anos de idade, a taxa de desemprego atingiu 39,7% no quarto trimestre do ano passado, segundo informações da Pesquisa Nacional por Amostragem Domiciliar Contínua (Pnad) divulgadas em fevereiro.

Em relação ao fim de 2015, a taxa de desemprego aumentou 10,9 pontos percentuais nessa faixa etária, em que predominam jovens aprendizes que trabalham menos horas por semana do que a média.

Para trabalhadores entre 18 e 24 anos, estrato que inclui recém-formados que chegaram ao mercado de trabalho, a taxa de desemprego atingiu 25,9% no fim do ano passado, com alta de 6,5 pontos percentuais desde 2015.

UMA DATA PARA VALORIZAR A JUVENTUDE

O principal objetivo do Dia Internacional da Juventude é focar na educação e conscientização dos jovens sobre a responsabilidade que assumem como representantes do futuro do planeta.

A data foi criada por iniciativa da Organização das Nações Unidas (ONU), através da Resolução 54/120, de 1999, como consequência da Conferência Mundial dos Ministros Responsáveis pelos Jovens, em Lisboa, Portugal.

A Assembleia Geral da ONU decretou o ano de 2010 como “Ano Internacional da Juventude”, período em que foram debatidos diversos assuntos relacionados com o tema “Diálogo e Compreensão Mútua”.

Atualmente, por meio do Programa Mundial de Ação para a Juventude, a ONU incentiva ações políticas e diretrizes que ajudam a apoiar a melhoria na qualidade de vida dos jovens de todo o mundo.

DIA NACIONAL DA JUVENTUDE – De acordo com o Decreto de Lei nº 10.515, de 11 de julho de 2002, o Dia Nacional da Juventude também é comemorado em 12 de agosto. No Brasil, de acordo com a PEC da Juventude, ficou estipulado que todo indivíduo entre os 15 e 29 anos é considerado jovem.

Os jovens brasileiros ainda ganharam outro dia especial: o Dia da Juventude do Brasil é celebrado anualmente em 22 de setembro e visa valorizar histórico protagonismo dos jovens nas mudanças políticas no cenário nacional.

Renato Ilha, jornalista (MTb 10.300)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *